Folha do ES
Sex, 9 de Dez
32 ANOS DA FOLHA DO ES

Home   Geral     Mundo


Cidade italiana pagará mais de R$ 165 mil para quem se mudar para lá

Cidade italiana pagará mais de R$ 165 mil para quem se mudar para lá

Vila de Presicce está em busca de novos moradores; prefeitura está disposta a recompensar financeiramente as pessoas para que elas possam comprar casas e reformar.

  Por Redação - BLN

  24.novembro.2022 às 10:22

A Vila de Presicce, na Itália, está disposta a pagar até 30 mil euros (cerca de R$ 167 mil, na cotação atual) para quem desejar se mudar para lá. Interessada em atrair novos habitante, a prefeitura se disponibilizou em pagar as pessoas para que se mudem para região, comprem um imóvel e se estabeleçam.

Apesar de ser um belo lugar, e conhecida como “cidade do ouro verde”, a Vila de Presicce é refém de um problema que atinge algumas regiões da Europa: baixa taxa de natalidade e o abandono da região.

Para participar deste programa, existem algumas exigências que precisam ser seguidas, como a necessidade de se tornar um residente de Presicce, e a compra de uma casa que tenha sido construída antes de 1991. Na verba que vai ser arrecada, o novo habitante deve dividir uma parte para a compra e outra para a reforma.

Nas próximas semanas, a prefeitura da vila deve publicar mais informações em seu site juntos as inscrições. Essa é mais uma das cidades italianas que oferece dinheiro em forma de recompensa para as pessoas que se mudarem para lá. Em agosto, o governo da Ilha da Sardenha, aprovou um programa que chega a transferir € 15 mil (cerca de R$ 75,7 mil na cotação atual), para quem se mudar para a região.

Presicce é uma vila da Idade Média e possui nove mil habitantes. Em 2019, ela se juntou com a Acquariaca, uma cidade vizinha, o que possibilitou mais fundos públicos para a região.


Fonte: Jovem Pan

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2022 Folha do ES. Todos os direitos reservados.