Folha do ES
Sex, 9 de Dez
32 ANOS DA FOLHA DO ES

Home   Judiciário     Brasil


Procurador preso por espancar chefe quebra pia da cela de isolamento

Procurador preso por espancar chefe quebra pia da cela de isolamento

Demétrius Oliveira Macedo está preso desde junho deste ano por agredir a procuradora Gabriela Monteiro de Barros, em São Paulo.

  Por Redação - BLN

  22.novembro.2022 às 09:23Atualizado em 22.novembro.2022 às 09:40

O procurador Demétrius Oliveira Macedo, preso por agredir a chefe, Gabriela Monteiro de Barros, em São Paulo, destruiu a pia e o prato de alimentação da cela em que está isolado, na Penitenciária de Tremembé. O caso ocorreu na última quarta-feira (16).

De acordo com o portal G1, a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) encaminhou um ofício ao juiz da 1ª Vara de Registro informando sobre a abertura de um procedimento disciplinar e de isolamento preventivo do detento.

Demétrius estava em cela isolada desde a terça-feira (15), após ter usado o estrado da cama para quebrar o vidro da cela onde estava preso.

A reportagem do Metrópoles procurou as secretarias de Administração Penitenciária e de Segurança Pública de São Paulo para que prestassem mais informações sobre o caso, mas não obteve retorno até a publicação deste texto. O espaço segue aberto.

Essa não é a primeira vez que o procurador tem momentos de raiva durante a prisão.

Ele responde a outros processos do mesmo tipo por “desobediência à ordem de servidor, falta de educação com os colegas de cela, e por descumprir os deveres referentes à manutenção da higiene pessoal e da cela”, segundo a Seap.

Agressão

Em junho deste ano, o procurador Demétrius Oliveira de Macedo foi preso após agredir com socos, chutes e cotovelada a chefe, Gabriela Samadello Monteiro de Barros. O caso ocorreu no município de Registro, no interior de São Paulo.

Uma colega de trabalho filmou parte dos socos e cotovelada que Macedo desferiu contra a procuradora-geral pouco antes do fim do expediente na prefeitura de Registro.

O homem de 34 anos é solteiro e não tem filhos. Demétrius mora na mesma cidade que trabalhava e cometeu o ataque. O agressor foi preso junho, no hospital psiquiátrico Santa Mônica, na capital paulista.


O procurador Demétrius Oliveira Macedo espancou sua chefe, a procuradora-geral Gabriela Samadello Monteiro
Gabriela Samadello foi agredida de forma brutal por Demétrius


Fonte: Metrópoles

Comentários Facebook


Facebook


Newsletter


Inscreva-se no boletim informativo da Folha do ES para obter suas atualizações e novidades semanais diretamente em seu e-mail.

© 2022 Folha do ES. Todos os direitos reservados.